“No termo de Lisboa, os moradores de Sintra — como os de outros lugares nas mesmas circunstâncias geográficas – eram por vezes chamados a participar em obras da iniciativa régia na capital: foi o que aconteceu em 1373 quando o rei D. Fernando I decidiu amuralhar a cidade e «(…) mandou que servissem em ella por corpos ou por dinheiro, pera ser à pressa cercadada, estes seguintes lugares, a saber: da parte do mar, Almada, Sesimbra, Palmela, e Setúbal, Coina, e Benavente, e Samora Correia e todo Ribatejo; e da pane da terra, Sintra, Cascais, e Torres Vedras, e Alenquer, e a Arruda, e a Atouguia, e a Lourinhã, Telheiros, e Mafra (…)» (Fernão Lopes, Crónica de D. Fernando, cap. LXXXVIII).”
Fonte: http://www.cm-sintra.pt/Artigo.aspx?ID=3383

Advertisements