“Não surpreende, mas salta à vista. Ao olhar para o mapa, a mancha rosa claro, que representa as melhores prestações alcançadas pelos alunos nos exames nacionais de Matemática e Português do 9º ano, sobressai nos concelhos do litoral, em particular no Centro e Norte do país. Por oposição, os tons mais carregados, associados aos piores desempenhos nas provas, acumulam-se sobretudo no interior. É nas regiões de Trás-os-Montes e Alentejo que o escuro mais se destaca.
 
Os dez concelhos com a média mais baixa ficam todos bem longe do mar. Com 2,18 de média, Carrazeda de Ansiães, no distrito de Bragança, figura no fim da tabela, logo seguido de Crato, no distrito de Portalegre.

Já os dez com melhores resultados nos exames ficam todos acima do Tejo e, quase sem excepção, encostados ao litoral. Só Miranda do Douro, no distrito de Bragança, contraria esta regra.

No entanto, é preciso ter em conta que estas médias são calculadas independentemente do número de alunos que prestam provas, o que distorce os resultados daquele concelho, onde foram realizados incomparavelmente menos exames do que noutro como Santarém, por exemplo. Dito isto, Arruda dos Vinhos, no distrito de Lisboa, foi o que conseguiu a média mais alta.”

Fonte: http://aeiou.expresso.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=ex.stories/541925