Archive for Abril, 2010


Pela primeira vez na sua pequena história, o Grupo de Forcados Amadores de Arruda dos Vinhos irá encerrar-se com 6 toiros, no próximo dia 25 de Abril, na localidade de Abanilla (Murcia). No cartel estarão presentes os rejoneadores Sérgio Vegas, José António Navarro Orenes e “El Cartagenero”, diante de toiros de Conde de la Maza. Esta é a primeira presença dos Amadores de Arruda dos Vinhos em Espanha durante esta temporada, onde têm como objectivo entrar para a ANGF. De realçar a maneira bonita como está feito o cartaz, com uma fábulosa foto dos Amadores de Arruda, no passado ano na feira de Zamora, sendo o autor da foto, o crítico taurino António Lúcio.

Fonte: http://barreiradesombra.blogs.sapo.pt/5830.html

Anúncios

Os atletas Marta Bessa e Luís Quintino, da União Desportiva do Forte, sagraram-se este fim-de-semana campeões ibéricos de Kusho Ryu Kempo, no campeonato internacional que decorreu no Pavilhão Gimnodesportivo de Arruda dos Vinhos, no dia 27 de Março.

Marta Bessa classificou-se em primeiro lugar na kata por equipa, na prova de defesa pessoal e no kumité (combate) e obteve ainda um terceiro lugar na categoria de kata tradicional. A atleta de 27 anos competiu na categoria de 51 a 57 quilos nos cintos de cor e foi considerada a melhor atleta feminina da competição, que juntou cerca de cento e trinta atletas da modalidade.

No masculino foi a vez de Luís Quintino brilhar, sagrando-se campeão em defesa pessoal, kumité light contact, kumité open e kata por equipa na categoria de 75 a 81 quilos nos cintos castanhos e negros. O atleta de 32 anos também foi considerado o melhor atleta na prova, no sector masculino.

“Este foi o troféu que me deu mais gozo conquistar”, confessa. “Estive algum tempo afastado do Kempo e por isso este título foi como um ressucitar pelo sensei (mestre) Mário Antunes do meu nível desportivo e competitivo”, realça com orgulho.

Marta Bessa é também campeã mundial da modalidade, tendo conquistado o título em 2008, na categoria de kumité e um honroso segundo lugar em defesa pessoal. Apesar de ser uma atleta completa, Marta confessou a O MIRANTE que a grande paixão é o kumité. “Pela adrenalina que dá, pelo stress do início e também durante o combate, é a categoria que mais me motiva”, explica.

A União Desportiva do Forte é uma autêntica escola de campeões no que diz respeito à arte marcial Kusho Ryu Kempo e muito se deve ao mestre Mário Antunes.O sensei começou a dar aulas de Kempo há 6 anos e já soma dois campeões do mundo no curriculo. É que além de Marta Bessa, também Luis Tavares, de 27 anos, se sagrou campeão do mundo em 2008, em kumité. O atleta da União do Forte teve uma lesão grave no joelho que o tem afastado das competições há quase um ano, mas espera regressar em breve aos treinos.

Fonte: http://www.omirante.pt/noticia.asp?idEdicao=54&id=37465&idSeccao=419&Action=noticia

Um diferendo entre a Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos, liderada por Carlos Lourenço (PSD) e a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) está a criar entraves a um entendimento entre os cinco concelhos que vão usar o novo hospital de Vila Franca de Xira (Alenquer, Azambuja, Benavente, Vila Franca e Arruda dos Vinhos).

Os cinco terão de chegar rapidamente a acordo sobre a forma de construção das acessibilidades ao futuro hospital. Porém, de todos eles, apenas Arruda dos Vinhos se recusa a tomar uma deliberação sobre a matéria, o que poderá atrasar o processo de construção da nova infra-estrutura hospitalar.

Há mais de um ano que a autarquia de Arruda dos Vinhos mantém um diferendo com a ARSLVT, considerando que compete à entidade de saúde o pagamento da construção de um muro de suporte de terras feito no novo centro de saúde, no valor de 94 mil euros, que não estava no projecto inicial que deu origem ao contrato programa de financiamento do centro.

“Os acessos ao novo hospital serão uma responsabilidade dos municípios e todos vão assumi-lo, à excepção de Arruda dos Vinhos, que está a misturar conflitos que tem com a ARSLVT para vir dizer que enquanto essa entidade não pagar o que lhes deve não tomará nenhuma deliberação. Isso não me parece nada correcto”, lamentou Maria da Luz Rosinha, presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira na última reunião pública do executivo, realizada dia 7 de Abril.

“O conselho consultivo do processo de construção do novo hospital será presidido pelo município de Vila Franca de Xira e vou solicitar que os restantes nomes sejam os de presidentes de outras câmaras municipais. Para já estou a pensar, por exemplo, em António José Ganhão (Benavente) mas ainda não tenho uma opinião clara sobre o assunto”, adiantou a edil.

Segundo a ARSLVT, contactada pelo MIRANTE, não existe nenhuma dívida para com a Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos. “No nosso entendimento, suportado por pareceres jurídicos e pela posição expressa pelo Tribunal de Contas, não existe nenhuma dívida porque o muro em questão foi construído na sequência de intervenções da câmara no terreno (ou outras por ela autorizadas) e como tal a responsabilidade pelo pagamento dessa obra é da câmara municipal”, esclarece a entidade. A Administração Regional de Saúde acrescenta ainda que já enviou à edilidade uma carta informando-a da decisão e que, se a câmara pretender defender a sua posição, “deverá fazê-lo pela via judicial”.

Caso o município de Arruda decida avançar para os tribunais e não produzir uma deliberação sobre as acessibilidades ao novo hospital de Vila Franca de Xira enquanto o julgamento não terminar, todo o processo de obra poderá sofrer atrasos. O MIRANTE tentou obter mais esclarecimentos junto do presidente da edilidade arrudense mas nenhuma resposta nos foi enviada até à data de fecho desta edição.

Contrato para novo hospital assinado até ao final do mês

O contrato para construção do novo hospital de Vila Franca de Xira “está em condições de ser assinado até ao final do mês de Abril”. A informação foi deixada na última reunião de câmara pela presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Maria da Luz Rosinha.

A autarca adiantou ainda que o projecto do Centro de Saúde de Alhandra está concluído. O vereador da oposição, Nuno Libório (CDU), saudou as notícias mas lembrou que o concelho de Vila Franca de Xira continua a ter 30 mil doentes sem médico de família e mostrou-se preocupado com a futura linha de gestão do hospital.

“Temos algumas preocupações, nomeadamente quanto à forma de gestão e o seu contrato que irá prever uma gestão privada durante quase 10 anos. E não nos podemos esquecer das Unidades de Saúde Familiar (USF), que neste momento não têm tido capacidade para dar resposta a todas as solicitações”, lamentou.

Em resposta, a presidente assegurou que “estão a ser feitos contratos com empresas privadas tendo em vista a contratação de mais médicos” e lembrou que, nos últimos 12 anos, “muito foi feito na área da saúde do concelho”.

Recorde-se que o consórcio Agrupamento Escala Vila Franca de Xira, liderado pelo Grupo Mello, foi o vencedor do concurso para a parceria público-privada de concepção, construção e gestão do futuro Hospital de Reynaldo dos Santos, que ficará situado num terreno a norte da cidade, perto de Povos e do Centro Equestre da Lezíria. A nova unidade vai apresentar novos serviços nas especialidades de Otorrino, Oftalmologia, Pneumologia e Psiquiatria. O hospital terá capacidade para 280 camas.

Fonte: http://semanal.omirante.pt/index.asp?idEdicao=439&id=63836&idSeccao=6858&Action=noticia

No último fim-de-semana o Centro Hípico da Beloura recebeu mais uma jornada dupla das competições nacionais de Horseball Masters, Trophy e Challenge, o que arrastou muito público, em mais uma demonstração do crescimento da modalidade.

CAMPEONATO NACIONAL MASTERS TEM LÍDER ISOLADO

No domingo a grande atenção recaía no jogo que oporia o campeão em título, Horseball Club Colégio Vasco da Gama, ao actual líder do Campeonato Nacional Masters, a equipa do Horseball Clube de Campo. Separadas por apenas 3 pontos era a oportunidade dos campeões nacionais se colarem novamente na liderança. Só que a equipa de Arruda dos Vinhos não esteve pelos ajustes e fez um jogo pleno de eficácia, quer defensiva quer atacante, conseguindo impor-se com alguma tranquilidade alcançando um expressivo 8 a 5. Com este resultado aumentou para 6 pontos a diferença sobre o segundo classificado, o que lhe permitiu enfrentar com confiança o resto da prova. Até porque no domingo voltou a puxar dos galões e venceu por 10 a 1 a equipa da Academia Horseball.

A jornada de domingo, a 6º e primeira da segunda volta, permitiu a primeira vitória da equipa da Academia João Cardiga, que na jornada de Sábado tinha conquistado o primeiro ponto ao alcançar um saboroso empate contra a equipa Academia Horseball. Estes resultados coincidiram com o regresso à actividade de João Pedro Cardiga, que esteve ausente por grave lesão nos últimos meses. De referir ainda a subida ao terceiro lugar da equipa da Quinta Santo António que ficou a apenas 3 pontos do segundo classificado o Horseball Club Colégio Vasco da Gama.
LOBOS LIDERAM NO ESCALÃO SUB-16 OU CHALLENGE

Uma das competições que mais tem atraído os olhares é o Escalão Sub-16, ou Challenge, que este ano conta com a participação de 5 equipas.

No entanto a equipa dos Lobos do Monte da Lua, superiormente dirigidos por João Lúcio, tem mostrado as garras e vão já com 6 pontos de avanço o que os deixa a apenas uma vitória para se sagrarem campeões nacionais. Para isso muito contribuiu o resultado alcançado no domingo frente ao seu mais directo adversário a equipa da Quinta Santo António, que terminou com uma vitória por 7 a 4.

No Sábado, os Lobos tinham esmagado por 11 a 0 a equipa da Academia João Cardiga, o que demonstra bem a qualidade destes jovens jogadores. As próximas jornadas são nos dias 1 e 2 de Maio, em Beja, no decorrer da Ovibeja.

Mantendo a invencibilidade, a formação B do Horseball Clube de Campo continua líder isolado neste Campeonato Nacional da 2ª Divisão Sénior, ou Trophy, que mais uma vez este ano voltou a fazer sentido existir nesta modalidade, para se efectuarem competições de Horseball entre equipas estreantes e jogadores menos experientes. Com efeito a superioridade tem sido evidente, tendo este fim-de-semana conseguido resultados esclarecedores, 10 a 3 frente a Azambuja Horseball Team e 7 a 2 frente aos Lobos do Monte da Lua.

Por outro lado, a equipa Azambuja Horseball Team conseguiu finalmente no Domingo a sua primeira vitória por 6 a 4 frente à formação B da Quinta Santo António.

As próximas jornadas decorrem a 22 e 23 de Maio na Azambuja.

Fonte: http://www.equisport.pt/noticias/detalhes.php?id=6894

Arruda Rocks 2010

Arruda Rocks volta ao Pavilhão Multiusos de Arruda dos Vinhos! Os portugueses Tara Perdida vão actuar no próximo sábado, dia 17, em Arruda dos Vinhos, no Festival Arruda Rocks 2010, uma das mais fortes apostas da Associação de Jovens de Arruda dos Vinhos, e que também corresponde a um grande investimento anual por parte da associação.

O festival conta, ainda, com as actuações das bandas K2o3, Re-Censurados e enviados de Dr. Matos (uma banda de Vila Franca de Xira). Este é o segundo ano consecutivo que a AJAV organiza este festival de rock, sendo este um evento que se reveste de grande importância para a associação. Com estas quatro bandas a garantir uma noite ‘da pesada’ a AJAV espera conseguir atrair ao Pavilhão Multiusos cerca de mil jovens.

Uma vez que estamos em 2010 este concerto dos Tara Perdida ganha ainda maior relevo, já que o grupo de rockeiros está a celebrar 15 anos de carreira; uma marca certamente a não perder pelos fãs que os acompanham desde 1995.

Por tudo isto, e com um balanço positivo do ano passado, a organização da AJAV está confiante numa noite em cheio. Festival Arruda Rocks, a partir das 22h de sábado, 17 de Abril, no Pavilhão Multiusos.

Fonte: http://bestrock.clix.pt/news/offroad_news_body.asp?id=2625

Apresentamos mais um vídeo com a rubrica “Irmãos das Asas – Aviação”. Desta vez mostramos um dia de voo no Grupo de Aeromodelismo de Arruda dos Vinhos.

http://www.youtube.com/watch?v=iTKkyXkrFKw

Fonte: http://irmaosasas.blogspot.com/2010/03/dia-de-voos-em-arruda-dos-vinhos.html

Pela primeira vez em Portugal, a Associação de Municípios Portugueses de Vinho e a sua congénere Italiana – Citta del Vinho, realizam a IXª Edição do Estágio Europeu de Jovens Viticultores, de 29 a 30 de Abril.

A Associação de Municípios Portugueses do Vinho em Parceria com a sua congénere Italiana Città del Vino, organiza a IXª Edição do Concurso Internacional para Jovens Viticultores, estudantes em Agricultura e Viticultura. Depois de Siena, Narbonne, Marselha, Roma, Frankfurt, Borgonha e Rioja, esta edição será realizada em Arruda dos Vinhos (Portugal).

O Curso é uma iniciativa da Rede Europeia de Cidades do Vinho, associação que representa mais de 70 Cidades em Itália, França, Áustria, Grécia, Espanha, Eslovénia, Hungria, Alemanha e Portugal.
O curso tem a duração de 5 dias, de 26 de Abril a 1 de Maio e inclui a participação de reconhecidos especialistas internacionais do sector, que apresentarão conteúdos teóricos, complementados com visitas a adegas e provas de vinhos.

Sobre o tema da “Viticultura Sustentável”, os jovens participantes irão debater os novos desafios da agricultura e contarão com as intervenções de Ricardo Pastore, economista e especialista em marketing; Agustí Villarroya Serafín, professor de viticultura e biologia e Francisco Borba, Presidente da ViniPortugal – Associação Interprofissional para a Promoção dos Vinhos Portugueses.

O valor de participação é de € 400,00 e inclui todas as actividades incluídas no programa em anexo, a inscrição pode ser feita directamente com a Cittá del Vino, ou com a AMPV, sendo necessário o preenchimento de impresso próprio.

Segundo a organização, “O curso é uma oportunidade para os estudantes conhecerem diferentes realidades contemporâneas e para estudarem as novas tendências no campo da viticultura”.

Fonte: http://lusowine.com/displayarticle5203.html